ocupação marcha

10 mil trabalhadores sem-teto marcham para o Palácio do governo em São Paulo: rebelião popular organizada e pacífica por direito à moradia e à democracia!

Em longas e bem organizadas colunas, 10 mil moradores da Ocupação Povo Sem Medo, em São Bernardo do Campo – onde a uma juíza corrupta  impediu ontem Caetano Veloso de cantar – marcham pacificamente  para o Palácio dos Bandeirantes, a 23 km de distância, para pedir a  Geraldo Alckmin que desaproprie o terreno abandonado há mais de 40 anos,  onde montaram suas barracas.

A juíza Ida Inês Del Cid pode impedi-los de ouvir as  músicas de Caetano, mas não pode  barrá-los de exibir sua pobreza,  necessidade e o seu direito de lutar por moradia minimamente digna.

O povo cansado de humilhações com os direitos negados até de participar da arte de qualidade, “oprimido nas filas, nas vilas, favelas” da Sampa que Caetano cantou e que foi censurado de cantar com eles.

O Cartas Proféticas se solidariza com o MTST e com a Frente Povo Sem Medo pela grandeza da mobilização que serve de exemplo à toda a sociedade e  ao Brasil, que se revolvem na dor do golpe de Estado dado pelos canalhas e pelos quadrilheiros a serviço do capital.

Colabore com o Cartas Proféticas que analisa as notícias, busca os nexos com o todo, com as causas e os efeitos e critica  propositivamente.

Compartilhar:



Responder

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.
Os comentários expressam a opinião de seus autores e por ela são responsáveis e não a do Cartas Proféticas.