Solidariedade ao pastor Silas Malafaia por sua condução coercitiva

tchau-esquerdopatas-777x357

Caro pastor e teólogo Luiz Carlos Ramos, Judiai, SP

O amigo e eu nos chocamos com as constantes agressões autoritárias e arrogantes do pastor Silas Malafaia, da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo.

Silas desgarrou-se da paz evangélica para trilhar os descaminhos do ódio, da intolerância e da falta de respeito com os diferentes e com a esquerda brasileira.

Num dado momento caminhou com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enquanto imaginava alcançar resultados para seus interesses, principalmente o de ser dono de um poderoso canal de TV.

Quando não se sentiu contemplado se bandeou para a direita, fazendo campanha para José Serra, para Aécio Neves e outros neoliberais golpistas. Em suas participações nas campanhas eleitorais, puxando atrás de si rebanhos acríticos, sempre foi muito agressivo e desrespeitoso com a esquerda.

Durante o assédio violento da direita contra a Presidenta Dilma Rousseff Silas foi colaborador de primeira hora com o golpe de Estado judicial-parlamentar contra a democracia, comportando-se de modo nada recomendável a um cristão e a um pastor, usando de discurso arrebatador violento em apoio aos maiores corruptos do País. 

Ao enfrentar críticas de religiosos que o desabonam por sua conduta distorcida sempre os tratou com desprezo chamando-os de filhos do capeta e de falidos espiritualmente, usando de vocabulário desqualificado.

Quando Lula sofreu um atentado aos seus direitos ao ser conduzido coercitivamente Malafaia não viu nada de ilegal nas truculências e esnobismos judiciais de Sérgio Moro.

Agora chegou a vez do arrogante pastor rico ser atingido pela desordem legal dos abusos de poder por parte do complexo de promotores-procuradores-juízes.

O pastor Silas Malafaia foi injustamente procurado por policiais em sua casa no Rio de Janeiro para condução coercitiva sem antes receber ordem judicial para prestar depoimentos sobre a acusação de usar contas de sua igreja para promover lavagem de dinheiro de propinas.

A essa violação dos direitos humanos Malafaia reagiu através de sua conta no Twitter: “É a tentativa para me desmoralizar na opinião pública. Não poderia ter sido convidado para depor? Vergonhoso”.

Exatamente, assim como Lula e tantos outros presos injustamente, como o ex-ministro Mantega que foi incomodado por uma tentativa desumana e profundamente desrespeitosa da polícia federal, que não considerou a situação grave da saúde de sua esposa numa mesa de cirurgia,  levando-o a dar depoimento quase prendendo-o, só não fazendo pela onda de protestos em todo o País, Silas também foi desrespeitado.

Do mesmo modo como sempre me posicionei fortemente contra os abusos de poder de Sérgio Moro, da lava jato e de todo o complexo espetaculoso de policiais, procuradores, promotores e juízes no aviltamento dos direitos humanos de muitas que tem suas imagens destruídas publicamente agora me oponho a esse procedimento covarde da policia federal ao tentar humilhar Silas Malafaia. Entre os poderosos esse pastor é um dos menores, um coxinha que se vendeu à direita.

Não me somo aos raivosos de direita nem de esquerda na perseguição às pessoas, à afronta aos direitos humanos nem ao espetáculo dos inimigos da democracia.

Silas Malafaia é um fundamentalista vingativo de direita. Eu não sou vingativo e, como muita gente que luta pelo e com o povo, sei  reconhecer que pisar nos direitos humanos e destruir a imagem, como um dos maiores bens das pessoas, é crime e é desumano.

Por isso me solidarizo com Silas Malafaia e com sua família.

Peço a esse pastor que faça profunda reflexão sobre seu ódio fundamentalista e reveja sua postura direitista. É hora de autocrítica por parte de todas as pessoas inteligentes e minimamente sensíveis.

É momento de todos os patriotas se unirem contra os abusos que crescem no País através de atos nunca conhecidos depois do golpe civil-militar, com brutalidades contra a liberdade e o direito.

Clique aqui para acessar o Canal CRP no You Tube.  Inscreva-se no Canal. E aqui para curtir nossa página no Facebook.

  • Abraços críticos e fraternos na luta pela justiça e pela paz sociais.
  • Dom Orvandil, OSF: bispo cabano, farrapo e republicano, presidente da Ibrapaz, bispo da Diocese Brasil Central e professor universitário, trabalhando duro sem explorar ninguém.

4 Comment

  1. Sheyla Caixeta says: Responder

    Dom Orvandil,
    Me comove seu posicionamento justo e com misericordia.
    Seus artigos bem escritos, mesmo inflamados, me fazem continuar a ler, sentir e me solidarizar com gente do povo, do qual sou parte. Sou brasileira, amo meu povo, meu pais.
    Abraços.

    1. Obrigado pelo seu surpreendente comentário, minha querida amiga. Emocionante. Mesmo do outro lado do mundo continua a a acessar este blog. Suas palavras me são de enorme estímulo. Abraços com o calor brasileiro apesar do golpe que sofremos!

  2. […] Fonte: Solidariedade ao pastor Silas Malafaia por sua condução coercitiva – CartaS e ReflexõeS Profét… […]

  3. Professora Maria de Fátima says: Responder

    Dom Orvandil, parabéns! Achei muito interessante sua posição é muito importante saber que há coerência no que fala.

Deixe uma resposta

contador de visitas gratis