moro_lacaio

A estranha safadeza da aprovação e crescimento do canalha Sérgio Moro

Por Dom Orvandil. 

Ao ver a repercussão na mídia brasileira da pesquisa do jornal espanhol El País,  contabilizando o marreco de Maringá,  Sérgio Moro, com aprovação de 54% depois de cair de 60 à 50 % por causa das revelações das canalhices dele pelo The Intercept, me sinto assombrado.

Como pode uma pessoa tão sem caráter e reconhecidamente criminosa, golpista e traidora da pátria gozar de tanto apoio?

Não há no mundo inteiro uma pessoa, desde os simples e sofridos operários até a dita sofisticada academia,  que não saiba dos males que esse desclassificado e analfabeto moral praticou enquanto  juiz de primeira instância e agora  como membro do governo miliciano e  fascista, o pior que o Brasil já teve.

Intelectuais e lideranças estudantis e trabalhistas denunciam desde a primeira hora as mazelas éticas de Sérgio Moro ao abrir caminhos para a destruição das empresas brasileiras, inclusive as estatais dos ramos do petroquímica, da infra estrutura  e da carne para beneficiar os monopólios internacionais, notadamente os estadunidenses.

Todos sabemos que o marreco e “conje” da cafona dona Rosângela Wolff Moro se prestou como vilão covarde para pavimentar o golpe de Estado no Brasil,  usando uma parte do Estado brasileiro, o judiciário, para, sustentado pelos impostos dos trabalhadores e pobres, entregar-se às manobras do Departamento de Estado dos Estados Unidos, treinado como serviçal e peão marginal,  para destruir nossas conquistas históricas.  

Graças a esse pulha o Brasil perdeu empresas prestigiadas e respeitadas em todo o mundo. Com o seu afundamento perderam-se milhões de empregos de engenheiros, de operários qualificados e técnicos de obras, cientistas, como o almirante da Marinha do Brasil e físico nuclear, Othon Luiz Pinheiro da Silva, o homem que colocou o Brasil entre os poucos países que dominam a tecnologia nuclear, condenado sem provas a 43 anos de prisão,  apesar dos 77 anos de idade dele em 2015, sob o máximo de desrespeito ao Brasil inteligente e produtivo.

Desde sua baixeza intelectual, política e ética, o chefe da republiqueta cloacal de Curitiba empenhou-se na preparação do golpe de Estado em 2016, iniciando o empurrão do Brasil aos braços nojentos, podres e cruéis dos Estados Unidos e do fascismo sob o comando do mercado.

Sérgio Moro é o artífice das fake news, primeiro na área de atuação dele e dos delinqüentes lavajatistas, o judiciário, envolvendo vasta parafernália e plantel corrupto de policiais, delegados, procuradores, advogados e juízes facínoras como ele, com o objetivo de distorcer  processos, inventar crimes sem provas, de prender inocentes para pressioná-los a delatar pusilanimente pessoas inocentes, como foi o caso do ex presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Hoje, como muito bem o acusou o deputado Glauber Braga, Sérgio Moro é vexame por ser capanga de miliciano e acrescentou corretamente o parlamentar: “Eu não vou ficar baixando a cabeça para miliciano. Sérgio Moro é um protetor de miliciano”.

No “ministério” do banditismo, da corrupção, dos preconceitos, da matança dos pobres, dos negros, dos indígenas, dos pequenos agricultores, dos programas sociais, da educação, da saúde, das estatais, da justiça, da verdade, do desenvolvimento com distribuição de renda, Moro não passa de um bandido cruel de luxo, servidor do mercado dos poderosos.

Sérgio Moro não tem nenhum compromisso com o Brasil, com a Constituição, com a democracia e com a politização do povo brasileiro.

Muito pelo contrário.

Inúmeras vezes assisti noticiário por TVs em restaurantes e bares quando, ao aparecer o crápula Sérgio Moro, a grande maioria das pessoas se manifestou com raiva, com desprezo e com xingamentos, umas até com gestos fortes contra a mentiroso, falsificador  e traidro Sérgio Moro.

Portanto, como essa pesquisa chega a esta cifra de aprovação desse energúmeno e raquítico moral?

Formulo algumas hipóteses para essa sandice:

  1. A pesquisa é manipulada em conluio com os interesses dos monopólios internacionais e nacionais.  Como nos tempos de ditadura, a pesquisa de opinião não tem o objetivo de sondar o que as pessoas pensam no momento sobre  determinadas personalidades e seu peso eleitoral, mas o de influenciar, de induzir e de perverter a posição popular a favor dos interesses dos poderosos;
  2. Sérgio Moro funciona como espécie de ator da mídia, blindado por ela, que manipula a opinião pública que, cada vez mais massacrada, não consegue entender a catastrófica crise orgânica do capital, propicia aos aventureiros e traidores tipo Moro, Temer, Bolsonaro e outros facínoras da mesma estirpe. Nesse pântano sujos e pervertidos nadam de braçadas;
  3. O espírito “eleitoralista”, que esvazia o sentido mais profundo do patriotismo e da luta política pode determinar o pensamento popular a posicionar as pessoas na condição de meras eleitoras, elegendo representantes para o parlamento e para os governos. Daí a pasmaceira comanda a dita pesquisa na indicação de preferenciais, sem nenhuma análise e debate sobre projetos de país e de nação. Assim, a tal pesquisa seria fator de influência de decisões eleitorais, desde agora para repercutir em 2022.

A única solução para essa perversão da opinião pública é a resistância material, organizada e forte na derrubada de toda essa borrasca que sufoca e sepulta a consciência do povo. Tudo indica que o movimento grevista de trabalhadores como os petroleiros e dos Correios podem ser o inpicio da transformação desse panorama.

 Com outo pano de fundo, com o povo se entregando á participação, à resistência organizada e à  luta na derrubada desse sistema podre que alimenta vermes  como Sérgio Moro, não haverá necessidade de pesquisas. O povo manifestará clara e objetivamente a sua despoluída vontade.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Um comentário

  1. Não chega a ser estranha a safadeza da aprovação e crescimento do canalha Sérgio Moro, é continuidade do golpe mesmo! Ajude-nos a movimentar o nosso Cartas Proféticas compartilhando somente os links das postagens. http://cartasprofeticas.org/a-estranha-safadeza-da-aprovacao-e-crescimento-do-canalha-sergio-moro/

Deixe um Comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.