vr_inocencia-e-resistencia

A ingenuidade enfraquece a resistência na luta!

Nesta semana li com tristeza, mas não com decepção ou surpresa, a noticia intitulada “Justiça britânica emite ordem de extradição de Assange aos EUA”.

Aqui mesmo no Site e no Canal Cartas Proféticas defendi a causa internacional da defesa de Assange contra as calúnias, injurias e injustiças praticadas pelo império estadunidense contra o jornalista e escritor, que tudo fez para ajudar a demonstrar ao mundo o terror dos Estados Unidos.

Uma das vozes mais abalizadas na defesa de Julian é a de sua própria mãe. Numa aberta ao mundoChristine Ann Assange diz do que se passa em sua alma ao ver o filho em estado de consumição,  se angustia e se deixa transpassar pelo medo. “O medo constante de que a CIA execute seus planos para assassiná-lo. A onda de tristeza quando vi seu corpo frágil cair exausto de um mini-derrame na última audiência, devido ao estresse crônico.  Muitas pessoas ficaram traumatizadas ao ver uma superpotência vingativa que usa seus recursos ilimitados para intimidar e destruir um indivíduo indefeso” confessa a mãe Ann.

E não deu outra. A notícia desta semana é de que os EUA apontam os dedos acusatórios para o australiano,  afirmando que Julian praticou espionagem ao divulgar mais de 700 mil documentos, que o império julga como secretos. Por isso o jornalista poderá ser sentenciado a 175 anos de prisão.

A situação de Julian Assange se agrava com a decisão de um tribunal do Reino Unido de emitir ordem formal de extradição do fundador do site Wikileaks para o Estados Unidos. Lá na toca do império Julian será julgado por vazar documentos sobre as sujeiras, roubos, destruições, assassinatos e genocídios praticados pela OTAN nas guerras do Iraque e do Afeganistão.

É evidente a submissão covarde da “justiça” da Inglaterra, como cadela puxada pelas cordas yanks. Depois desta decisão assassinada pela suprema corte britânica o caso se encaminha para a ministra do interior Priti Patel, que pronunciará a última palavra.

O que se vê em Julian Assange é o dever ético que impele profeticamente a denunciar a barbárie das guerras e devastações praticadas pelos Estados Unidos pelo mundo, daquela vez no Iraque, no Afeganistão, na Síria, na Líbia e em toda a parte, sempre roubando suas riquezas e submetendo seus povos ao terror.

De outro lado, move-se poderosamente e sem tréguas o poderio da morte. Primeiro pelas ações militares comerciais, econômicas e políticas dos Estados Unidos. A eles, como cães dóceis e adestrados, os países servem e obedecem cegamente. A “justiça” inglesa ao invadir a embaixada do Equador, um país independente e soberano, embora sob um governo neoliberal, golpista e inimigo dos direitos humanos, para prender um protegido daquele Estado e, depois, submetê-lo às mais drasticamente humilhações e maus tratos, como informa sua mãe (leia a íntegra de sua carta), agora se rende pusilânime e moralmente miserável à sede de sangue do império.

A  decisão da “justiça” (aspas para significar que não se trata da justiça como valor e respeito humano, mas como jogada covarde na geopolítica imperialista) foi apenas a demonstração da falência ética do sistema hegemônico imposto pelo imperialismo. O Reino Unido age como cão adestrado a serviço das sujeiras impostas ao mundo pelos Estados Unidos e pela Europa Ocidental.

Esta linha indecente da “justiça” inglesa, que não ouve a defesa, não acolhe a verdade, mas que se submete simplesmente aos caprichos de Tio Sam é a vitrine do que é toda essa civilização e todas as suas instituições, sem exceção.

Tudo o que vem dos Estados Unidos e da Europa carrega os vícios do terror e da injustiça como modo desgraçado de ser. Assim é o judiciário, assim é o Mercado Comum Europeu, seu comércio, seus bancos, suas embaixadas e suas igrejas. Nada presta. Nada se salva.

A carta que o Presidente da Federação Russa escreveu à humanidade sinaliza com a clareza do nosso sol equatorial que até a operação militar que os russos empreendem na Ucrânia demorou muito a acontecer e a tolerância com o terror nazista apoiado pelos Estados Unidos e pela Europa, n verdade, era a grande ameaça civilizacional contra a espécie e a diversidade humanas. Aliás, encontrei esta cata ao acaso na conta de uma amiga, que não soube identificar sequer a fonte, já que este documento de alto teor ético não foi publicado em nenhum órgão mediático aqui no Brasil. A carta é curta e peço que leiam-na abaixo.  

“Mensagem para a humanidade – Uma mensagem do presidente Vladimir Putin.


Queridos cidadãos do nosso maravilhoso planeta Terra!


Eu, o presidente da Federação Russa, Vladimir Putin, decidi me dirigir a todos vocês diretamente, ignorando diplomatas, seus governantes e jornalistas. Na Rússia, há “boca a boca”, onde você não pode mentir, trapacear e jogar. Portanto, falarei com franqueza para que todos possam verificar a veracidade de minhas palavras.

A Rússia é um país grande e rico. O valor principal são mais de 150 povos vivendo em um território onde a justiça está acima de tudo. Não precisamos de novos territórios. Temos uma abundância de energia e todos os outros recursos. Desde o tempo da Grande Tartária e do Grande Mughal, os povos do norte da Eurásia se desenvolveram não graças aos roubos nas cruzadas e à colonização da América, África, Índia, toxicodependência na China, mas graças ao seu trabalho árduo e paz .

Quem conhece russo entende que “russo” é um adjetivo para todos os povos do nosso país. Eslavos russos, tártaros russos, judeus russos, Evenks russos, etc., são russos de coração, embora sua cultura, idioma e modo de vida possam ser diferentes. Congratulamo-nos com esta diversidade de unidade.

Mais uma vez, os povos russos da Rússia são forçados a sacrificar suas vidas, protegendo o mundo do nazismo e do fascismo. Trocamos 50 de nossos prisioneiros de guerra por 50 soldados ucranianos. Os soldados ucranianos receberam tratamento médico em nossos hospitais, fizeram três grandes refeições por dia e voltaram para casa. Recebemos soldados russos com dedos e órgãos reprodutivos decepados. Nem mesmo os nazistas fizeram isso durante a última guerra. Apresentaremos essas provas em um futuro tribunal. Será uma vergonha para todos aqueles que agora apoiam esses bastardos.

Seus governantes nos EUA, Europa, Japão, Austrália e outros países se aliaram a esses subumanos, que colocam civis, mulheres grávidas e crianças diante deles em batalha, mutilando deliberadamente prisioneiros de guerra. É difícil para mim imaginar uma pessoa sã e sã apoiando esses monstros. E seus bidens, scholzs, macrons e outros democratas obscurantistas não apenas protegem os criminosos, mas também os armam ativamente, fornecem dinheiro, o que não é suficiente para manter os preços baixos em seus países.

Os preços estão subindo, o mundo está entrando em colapso, mas não porque os russos estão limpando a Europa dos espíritos malignos nazistas, mas porque você assiste silenciosamente e realmente apoia a nova onda de nazismo. Desta vez não vamos a Berlim. Pararemos em nossas fronteiras históricas, e todos os espíritos malignos nazistas, a quem seus governantes abrem suas portas, providenciarão para você uma nova vida “cristal”, como fizeram os nazistas, acrescentando a circuncisão dos órgãos reprodutivos.

Apelo a todos os que querem viver e trabalhar em paz, criar filhos e fazer amizade com os povos do mundo inteiro. Ajude a Rússia a lidar com um novo câncer: o nazismo ucraniano. Não a Ucrânia, onde vivem pessoas pacíficas e trabalhadoras, mas o nazismo, alimentado pelos falcões dos EUA e da OTAN por seus impostos. Se seus governantes apoiam o nazismo, leve-os a três pescoços, tome o poder em suas próprias mãos.

Os nazistas ucranianos se protegem de balas com civis, seus governantes, sob o disfarce da terrível Rússia, também decidiram transferir o fardo dos preços altos e das dificuldades iminentes para a população. Tanto na Ucrânia quanto em você, os nazistas vivem nas costas dos cidadãos comuns, e as pessoas comuns devem sofrer – esses são crimes idênticos na Ucrânia e no Ocidente. Se nos unirmos, dentro de uma semana não haverá nazistas na Ucrânia, a vida normal será restaurada na Europa, nos EUA e em outros países, e juntos julgaremos os nazistas ucranianos e todos os governantes que apoiam o nazismo em um novo tribunal.”

Abraços proféticos e revolucionários,

Dom Orvandil.

PROGRAMAÇÃO DO CANAL E DO SITE CARTAS PROFÉTICAS

– Chimarrão Profético: todas as terças e quintas feiras, às 11 horas;

– Fé e  Luta: todos os sábados, às 11 horas;

– Mergulho nas Notícias: todas as quartas feiras, às 11 horas;

– Arte e Vida: todas as sextas feiras, às 19 horas;

– Reflexão do Evangelho: todos os sábados às 19 horas;

– Vigília e Resistência: sextas feiras, às 11 horas;

– Impactos das Notícias: notícias analisadas a qualquer momento (ao vivo).

Apoie este projeto com sua doação  pelo  Pix domorvandil@gmail.com.

Acesse e leia mais. Compartilhe:

Inscreva-se, ative o sininho, comente, dê likes, compartilhe e apoie sempre!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.