richa

A prisão do bandido Beto Richa mostra o mau cheiro da direita golpista

O “seo” Beto Richa, ex governador do Paraná e candidato a senador não consegue mais esconder o mau cheiro de seus crimes de corrupção e de uso da polícia covarde do Estado para bater em 213 porofessores em greve por lutar por seus direitos.

O amigo e aliado do “seo” Sérgio Moro, o juiz fascista colaborador das corporações petroleiras dos Estados Unidos, que prendeu Lula sem provas e sem culpa com base em mentiras estilo Antonio Palocci, é o típico modo tucano de governar.

Todo o “bom” tucano, como é o caso do “seo” Beto Richa tem ódio de pobres, de trabalhadores, da educação e da saúde inclusivas.

O modo marginal pessedebista de governar é roubar merendas de crianças pobres, como o fez o “seo” João Dória Jr em São Paulo e todos os governantes do modelo FHC de assaltar os cofres públicos e de drenar as riquezas do povo para os poderosos.

O “seo” Beto do Paraná usou processo fascista de esvaziar a dignidade da polícia,  fazendo de homens e mulheres fardados um bando de bandidos e covardes sem consciência política e sem ética para desobedecer a ordens de hierarquias assassinas como é o caso do presidiário de hoje que usava o governo para cometer crimes contra os paranaenses, pior,  ainda pagos pelo dinheiro público, desviando o objetivo de cuidar da segurança social.

O amigo de Sérgio Moro e de sua mulher é parte da podridão que explode na cara da sociedade brasileira, empestando o ar moral.

Na verdade o judiciário corrompido, assaltado pelo fascismo militante, é uma carroça velha transportando idiotas que batem cabeças, perdidos e sem rumo.

A hora do próprio traidor da república, Sérgio Moro, chega e chegará violenta. A onça começa a se aproximar para beber água. Bastará apertar o Betinho Richa, preso nesta manhã,  para que entregue o amigo e cúmplice destruidor do Brasil.

Pena que as direções das centrais sindicais, dos partidos e dos movimentos sociais, neste ano só pensando em eleições e campanhas eleitorais, não cumpriram o dever de levantar o povo contra o golpe. Se isso acontecesse a podridão já teria aparecido e expulsa em 2015.

A prisão de Beto Richa é pura contradição. Mas a contradição é parte até do desnudamento do fascismo.

Mas é bom lembrar que além de ser da cambada de Sérgio Moro, Beto Richa integra o modo de ser e de governar da cambada de Aécio Aeroporto do Pó das Malas da JBS Neves e do “seo” chuchu Geraldo Alckmin.

Colabore com o Blog

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com * são obrigatórios *