aroeira_nazifascismo

Aroeira nas veias do nazifascismo, que promove insegurança nacional!

  • A sua solidariedade ao Cartas Proféticas é absolutamente fundamental para  a  manutenção  e à renovação de equipamentos. Reforce-a com seus contatos e amig@s: http://cartasprofeticas.org/colabore.

Acesse também e compartilhe o Canal Espiritualidade Revolucionária: https://www.youtube.com/channel/UC9WX….

Leia e veja na página do Cartas Proféticas e recomende a Secretários Municipais e Estaduais de Saúde o artigo e o vídeo do Dr. Daniel da Costa clicando no link a seguir, que pode salvar vidas: http://cartasprofeticas.org/chimarrao-profetico-com-o-doutor-daniel-como-se-curar-e-combater-qualquer-tipo-de-patogeno-inclusive-o-coronavirus-covid-19/

Por Dom Orvandil.

Um dos traços do nazifascismo tosco, o mesmo que dá pasto ao gado em sua matinal busca de feno às portas do Palácio da Alvorada, com falsos mártires presos, é o delírio em forma de demência e delinquência psicopata.

Todos sabemos que o miliciano Jair Bolsonaro instiga dementemente a invasão dos hospitais por parte de nazifascistas, promotores de algazarras, arruaças e destruições. O bom moço João Dória, desgovernador neoliberal de São Paulo, como todos os burgueses fingem sê-lo ao distinguirem criminosos com títulos formais que ostentam sob roubo, corrupção, fake news e golpes de Estado, disse que “uma autoridade da república instiga apoiadores a atos de invasões e vandalismos, agredindo profissionais da saúde”, referindo-se ao miliciano tresloucado do Planalto.

Mas foi o cartunista Renato Aroeira que colocou o sino no pescoço do gato nazista. Com uma charge genial e simples, tomando por base a cruz vermelha dos hospitais,  mostrou que o miliciano, que chegou à presidência da forma mais desonrada possível e a exerce de modo delinquente e atentatório às vidas do povo brasileiro, promove ato nazista ao convocar os cachorros loucos de matilha fascista a invadir hospitais públicos para provocar caos e agitações que justifiquem golpe militar.

E aí está o resultado: bastou o Aroeira amarrar o sino bem corretamente e de forma inteligente, num tiro certeiro no pescoço nazista, para ser ameaçado pela “lei” nazista de [in]”segurança nacional.

Chega a ser engraçado: até o “seo” Ricardo Noblat, notório reacionário da Globo, estimulador de golpes e de golpistas de Estado, foi ameaçado de enquadramento da famigerada “lei” da ditadura simplesmente porque publicou a charge do Aroeira, que fez da cruz vermelha dos hospitais uma cruz suástica sangrando.

Parabéns ao grande artista e cartunista Renato Aroeira por dedicar sua arte à denúncia profética e patriótica.

Outra ironia, que será matéria de muita piada em futuro próximo, é a ação do “seo” André Mendonça, o “santo” – do pau oco – “pastor” neopicareta, encostado no ministério da injustiça à espera da aposentadoria do odiado por eles, Celso de Mello, para ocupar uma vaga no STF, encaminhou à Polícia Federal um pedido de inquérito visando investigar a aludida charge do Aroeira, que nada mais fez senão demonstrar a  demência bozista associada a esse terrível e diabólico símbolo nazista.

O “santo” “pastor” André Mendonça chega ao ridículo de afirmar na petição à Polícia Federal que “um desenho de humor leva perigo à integridade do Estado”.

Como dizia o saudoso e digno jornalista Paulo Nogueira: “pausas para rir”: kkkkkkkk!

Para fazer frente a esse delírio, muito próprio à demência psicótica dos nazifascistas no desgoverno Bolsonaro, desesperados por já se sentirem beijando a lona da derrota que o povo lhes imporá nas grandes mobilizações após o isolamento social, artistas e intelectuais promovem abaixo assinado em solidariedade à Renato Aroeira e a Ricardo Noblat. Eu assino e posto o texto abaixo, convidando a quem não a assinou para que assine.

Leia mais e compartilhe, também:

– O teu casamento vazio se quebrou por amor.

– Leonardo Boff: “Odeio o termo povos indígenas”: uma blasfêmia em dois atos.

– O Padre Gegê denuncia: “George Floyd e o racismo eclesiástico: quando o chicote estala na batina”.

– Nota do gabinete miliciano do ódio, do fascismo e da confissão de culpa ameaça destruir a Constituição com mais um golpe “miliciano-militar”.

– Um generaleco sem razão e sem moral ameaça enforcar o povo brasileiro. Inconcebível tal baixaria!

Leia todo o capt do abaixo assinado abaixo em solidariedade ao cartunista Aroeira e ao jornalista Ricardo Noblat:

Nós, artistas, escritores, jornalistas, cientistas e professores, que não podemos viver e trabalhar sem democracia e liberdade, repudiamos frontalmente a declaração do Sr. Ministro da Justiça, André Luiz Mendonça, que ameaçou instaurar inquérito contra o grande artista gráfico Renato Aroeira. 

O ministro viu ameaças à “segurança nacional” (sic) numa charge em que Aroeira ironiza as falas do Presidente da República incitando seus seguidores a invadirem e filmarem hospitais. Ao dizer que um desenho de humor leva perigo à integridade do Estado, o ministro expressa um delírio fanático e alimenta as fantasias totalitárias dos criminosos que promovem ataques crescentes contra a democracia no Brasil. 

Não aceitamos mais delírios obscurantistas. Não aceitamos intimidações. Abaixo o autoritarismo. 

E amparados no Artigo Quinto da Constituição Brasileira, dizemos “não” à censura, em solidariedade ao artista Renato Aroeira e ao jornalista Ricardo Noblat, que postou a charge em seu “Blog do Noblat”. 

Assine aqui.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe um Comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.