cp_bia-card

Chimarrão Profético com a Profª Maria Euzébia de Lima – Bia: “As dificuldades que o Governo Bolsonaro impõe à classe trabalhadora”

Desgraçadamente nosso país é vítima atropelada pelo neoliberalismo associado ao fascismo e a todas as correntes sub capitalistas e sub nacionalistas, que destroem riquezas, o Estado e, sobretudo, nossa classe trabalhadora.

O povo brasileiro subirá à cena da arena de lutas. Para que tal aconteça impõe-se necessária mobilização organizada, com tática e estratégia clara.

As lideranças, sindicatos e centrais sindicais são urgentemente convocados à defesa da Pátria e da classe operária.

Uma das primeiras iniciativas é a denúncia das agruras tiranamente impostas à classe e ao povo, reduzindo-o ao desemprego, à pobreza, à miséria e ao rebaixamento da consciência de classe.

Porém,  a luta taticamente tem que prever o passo denuncista e economicista,  visando dar o seguinte na direção da tomada do poder, transcendendo as eleições nos marcos capitalistas.

Todos as categorias trabalhistas são alvo do massacre neoliberal e fascista, sem consideração. NO CHIMARRÃO PROFÉTICO desta QUINTA FEIRA, 26 DE AGOSTO DE 2021, ÀS 11 HORAS CONTAREMOS com a fala, o testemunho, as críticas e os relatos as Profª Bia, como é  conhecida a Professora Maria Euzébia de Lima, Presidenta do Sindicato d@s Trabalhadores/as em Educação de Goiás e da Central Única d@s Trabalhadores/as de Goiás, sobre as agruras reais sofridas notadamente pel@s trabalhadores/as na educação.

No diálogo com Bia buscaremos a análise da negociação sobre a situação da saúde no Estado, das pressões salariais com o latifundiário, ruralista, direitista, fundador de UDR que matou Chico Mendes, que, graças à tragédia golpista fake news de 2018, Ronaldo Caiado elegeu-se governador com o objetivo de aplicar agenda de miséria, pobreza, doenças, mortes e rebaixamento dos direitos e conquistas da categoria educacional em Goiás. Mas entenderemos de Bia  o que a CUT faz quanto à resistência à barbárie neoliberal, fascista e do agronegócio.

Presidenta reeleita para a Gestão do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás, SINTEGO, Maria Euzébia de Lima, mais conhecida como Bia de Lima, é goiana de Jataí, Goiás, pedagoga e especialista em educação brasileira pela Universidade Federal de Goiás (UFG).

Na década de 1980, foi presidenta do Centro Acadêmico Paulo Freire da Faculdade de Educação da UFG.

Atuou como vereadora em Jataí-GO por dois mandatos (1997-2001 e 2001-2004), pelo Partido dos Trabalhadores (PT).

Foi professora do Campus Avançado de Jataí/UFG de 1994 a 2005. Foi tesoureira do SINTEGO durante três gestões (2005-2008, 2008-2011 e 2011-2014);

Presidiu a Central Única dos Trabalhadores (CUT) em Goiás nas Gestões (2009-2012 e 2012-2015).

Atualmente preside a CUT, em Goiás, Gestão 2019/2023, e o SINTEGO, Gestão 2017/2021, e ocupa as funções de:

•             Membro do Fórum Estadual de Educação de Goiás (FEE-GO).

•             Membro do Conselho Municipal de Educação de Goiânia.

•             Membro do Conselho Nacional de Entidades da Confederação Nacional dos Trabalhado- res em Educação (CNE/CNTE).

•             Membro do Fórum em Defesa dos Servidores e Serviços Públicos de Goiás.

•             Vice-presidenta do Diretório Estadual do PT.

PROGRAMAÇÃO DO CANAL E DO SITE CARTAS PROFÉTICAS

– Chimarrão Profético: todas as terças e quintas feiras, às 11 horas;

– Leitura Profética: todas as quarta feiras, às 11 horas;

– Fé e  Luta: todos os sábados, às 11 horas;

– Mergulho nas Notícias: todas as segundas feiras, às 19 horas;

– Arte e Vida: todas as sextas feiras, às 19 horas;

– Reflexão do Evangelho: todos os domingos (programa gravado);

– Vigília e Resistência na Pandemia;

– Impactos das Notícias: notícias analisadas a qualquer momento (ao vivo).

Apoie este projeto com sua doação com o seu melhor valor. Pelo  Pix domorvandil@gmail.com.

Leia e veja mais, abaixo. Compartilhe:

Dê likes, inscreva-se, ative o sininho,   comente, contribua.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe um Comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.