rosemery

Denúncia de perseguição política em Pesqueira/PE

Em solidariedade à professora Rosimery Leite dos Santos, que é amiga deste blog e publicamos sua  nota de repúdio contra a truculência que sofre por parte do prefeito,  que não respeita a diversidade política, por isso não cumpre a lei nomeando-a para o cargo de secretária do sindicato de professores.

A falta de respeito à classe trabalhadora tem que se denunciada em todas as esferas, aconteça onde acontecer.

Leia abaixo a nota de repúdio da professora Rosimery Leite dos Santos publicada em sua página no Facebook.

Colabore com o Cartas Proféticas e aumente sua renda ajudando organizar seminários em sua cidade. Veja como.

Leia também carta de Dom Orvandil: “Desprezo os votos de “feliz natal” e “feliz ano novo”

Esclarecendo os fatos

Eleita pelos associados presentes em 01 de novembro na Assembleia Geral da Categoria, em eleição complementar, para o cargo de Primeira Secretária do SINTMEP, até o presente momento, o município na realizou a minha cedência os Sindicato, conforme determina da Legislação Municipal em vigor.

Apesar do SINTMEP ter enviado ofício à gestão e ter reiterado a solicitação da cedência, não foi dado até o presente momento, por parte da gestão, nenhuma satisfação ao pleito legítimo da Entidade.

Começamos o ano de 2018, hoje faz exatamente dois meses que fui eleita para o Cargo de Primeira Secretária do Sindicato e já há muito tempo pedido a disponibilidade para o sindicato. Medidas judiciais podem ser tomadas isto é fato e se caminha nessa direção, mas é preciso esclarecer essa postura da atual gestão, que insiste por motivos não republicanos, em descumprir os ditames da lei.

Tal atitude da gestão municipal, além de ser ilegal, por gerir preceitos constitucionais básicos, só pode se caracterizar como um ato de perseguição política contra a minha pessoa, por não ter acompanhado e nem votado na atual grupo político que governa a cidade e ser Vice Presidente do Diretório do PSOL de Pesqueira.

Vivemos em uma democracia, mesmo como é essa a nossa. Todos devem ser tratados iguais perante a lei, e não é o que vem ocorrendo em nosso município. Não estar se respeitando uma determinação legal, por mera perseguição politica, um absurdo ser vítima desse tipo de coisa em pleno século XXI. Um atentado ao bom senso e o respeito ao devido processo legal.

Por isso, diante desse absurdo inadmissível estou denunciando este fato à todos, para que tomem conhecimento da nossa atual realidade em que vivemos em Pesqueira e mostrando os fatos como eles são.

Rosimery Leite dos Santos

Pesqueira, 01 de janeiro de 2018

Compartilhar:



Responder

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.
Os comentários expressam a opinião de seus autores e por ela são responsáveis e não a do Cartas Proféticas.