Lula-moro-depoimento

Freud explica ato falho de Sérgio Moro: “Moro e o método da máfia”

O professor e intelectual Jefersom Miola, integrante do Instituto de Debates, Estudos e Alternativas de Porto Alegre (Idea), que foi coordenador-executivo do 5º Fórum Social Mundial, sacou com intuição afinada uma fala do arrogante Sérgio Moro sobre métodos aplicados nas obtenções de “provas” falsas nas delaçoes teatrais e armadas na lava jato. A sacada é a de que Sérgio Moro falava de seu próprio modus operandi mafioso.

Numa palestra na universidade do Rio dos Sinos, em São Leopoldo, RS, “Moro citou a cena do filme em que o mafioso Don Corleone recusa o recebimento de dinheiro depois de executar um crime encomendado, preferindo tornar-se credor de um “favor” a ser pago no futuro – normalmente uma retribuição difícil e embaraçosa para o devedor, muito mais dispendiosa e custosa que o valor do “serviço” executado.

Segundo a reportagem (do jornal Zero Hora), na palestra Moro explicou que em grande parte dos processos desvelados pela Lava Jato a “compensação”, ou seja, a “retribuição” de favores, é garantia de “bom relacionamento”: “É mais ou menos o que significou em vários desses casos de corrupção sistêmica. Pode ser muito difícil identificar contrapartida específica que o agente público ofereça ou realize em troca de vantagem financeira. Normalmente, vende-se influência a ser entregue segundo as oportunidades surgem”.

“A palestra do Moro é esclarecedora”, continua Jeferson Miola. “Ela ajuda a entender a postura de delatores e réus da Lava Jato como Leo Pinheiro, Antonio Palocci e outros, que “trocam favores” pela liberdade e abrandamento de penas.

A moeda de troca para receberem “contrapartidas específicas” dos agentes públicos é incriminar o ex-presidente Lula. Na caçada ao Lula vale tudo, inclusive métodos mafiosos”, conlui Miola.

Leia o artigo na sua íntegra na coluna de Jeferson Miola no site Brasil 247. 

Colabore com o Cartas Proféticas que analisa as notícias, busca os nexos com o todo, com as causas e os efeitos e critica  propositivamente.

Compartilhar:



Um Comentário

  1. É REVOLTANTE!
    NOJENTO DEMAIS...
    MEU ESTÔMAGO NÃO AGUENTA !

    E PENSAR QUE ESSA GENTE ESTÁ MANDANDO NO PAÍS...

Responder

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.
Os comentários expressam a opinião de seus autores e por ela são responsáveis e não a do Cartas Proféticas.