joão goulart-marchezan

João Goulart Neto pede desculpas por atos vergonhosos do prefeito de Porto Alegre

Como parte extremamente saudável do que há mais nobre na juventude patriótica e nos  que realmente são cidadãos sérios, honrados e democráticos, descendente de um presidente profundamente injustiçado pelo ódio imperialista e pela classe dominante impatriótica brasileira,  João Goulart Neto se constrange com o fascismo do incendiário iresponsável,  que a maniupulação elegeu como prefeito de Porto Alegre, o filhote da ditadura Nelson Marchezan Júnior, que nem nome original tem.


247 Em um vídeo publicado nas redes sociais, João Goulart Neto pede desculpas, “como porto-alegrense”, pela atitude “vergonhosa” do prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan (PSDB), pelo pedido a Michel Temer para que envie as Forças Armadas à capital no dia 24 de janeiro.

O neto do ex-presidente João Goulart se desculpa “pelo prefeito que temos e pelas atitudes vergonhosas de alguém que não representa a população e que solicita intervenção militar em cima de um importante movimento democrático onde receberemos e acolheremos brasileiros de inúmeras cidades”.

Ele chama o ofício enviado por Marchezan de “infame” e ressalta que o “movimento democrático e legítimo foi classificado pelo prefeito como ‘invasão'”. “Eu me sinto profundamente envergonhado”, acrescenta.

Veja o vídeo abaixo.

Colabore com o Cartas Proféticas e aumente sua renda ajudando organizar seminários em sua cidade. Veja como.

Colabore com o Blog

Leia também carta de Dom Orvandil: “Desprezo os votos de “feliz natal” e “feliz ano novo”

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com * são obrigatórios *