advogados de lula

Juiza Carolina Moura Lebbos, padres e a confirmação da decisão da ONU sobre direitos de Lula

Hoje pela manhã recebi um áudio altamente venenoso e antiético de  uma pretensa médica de um hospital de Curitiba, que atendeu a senhora Carolina Moura Lebbos, a diabólica carcereira de Lula.

A dita profissional telefona para um tal de Marcelo para lhe contar sobre a “dona” Carolina que baixara àquele hospital para fazer um aborto e, depois, uma curetagem.

Com vóz melodiosa, sedutora e meiga a pretensa médica descreve a juíza, que não é trigo limpo, como pessoa humilde e verdadeiro anjo caido do céu, que sofre muito pelas perseguições que ela e o fascista Sérgio Moro fazem a Lula. Engraçadinha, se for verdade.  Carolina e Moro perseguem Lula, preso sem provas e sem culpa e eles é que sofrem?

Como no caso da médica que pelas redes sociais divulgou o laudo de dona Marisa Letícia Lula da Silva desejando sua morte, a pretensa admiradora da carcereira metida a besta  fala as piores barbaridades contra Lula, exaltando e idolatrando Carolina e Moro, que se tratam com psicólogos e psiquiátras, segundo ela, para suportarem as pressões que sofrem dos aliados do ex-presidente.

Caso algum jornalista sério queira investigar essa barbaridade, disponibilizo o áudio que recebi, desde que preservem a pessoa que me enviou,  podendo afirmar que fui que o forneci. A pessoa que passa por médica menciona no aúdio outros médicos.

Isso não pode jazer sem investigação pelo alto nível de calúnia e de veneno. Em se tratando de pessoas encarregadas pela saúde isso é intolerável. E como pode uma juíza se referir numa sala cirúrgica a Lula como assassino do ex prefeito Daniel de São Bernardo e ao seu partido como orgaização criminosa?

No início da tarde um bispo nosso, de São Paulo, me relatou da decepção com padres católicos romanos de lá que defendem o “coitadinho” do Jair Bolsonaro pela facada que recebeu de petistas, segundo esses padres imbecis, analfabetos políticos, inimigos da verdade e da equidade.

Como ditos padres podem ser tão paus de arrasto da mídia, do imperialismo e de Sérgio Moro?

Quer dizer, pessoas de tremenda má fé ou de maldosa ignorância espalham mentiras e alimentam o ódio, sem reparar nas missões que seguem de salvar vidas, como a pretensa médica de Curitiba e os padres de São Paulo, reacionários, mentirosos, caluniadores e destruidores da reputação do cristianismo!

Inaceitável!

Toda essa avalanche de campanha contra a democracia e o bem estar do povo brasileiro, contudo,  é esmagada pela verdade reconhecida por intelectuais do mundo inteiro e pela ONU, que acaba de reafirmar a decisão da Comissão dos Direitos Humanos de assegurar o direito de o ex presidente Lula disputar as eleições com base em tratados internacionais assumidos pelo Brasil, que golpistas serviçais da Globo, como Luis Roberto Barroso, Villas Bôas e outros não têm o direito de desprezar.

Leia a notícia abaixo. 

Colabore com o Blog

247 – A nova manifestação do Comitê de Direitos Humanos da ONU, reafirmando que o Estado brasileiro precisa imediatamente restituir os direitos políticos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e garantir sua participação nas eleições presidenciais será anexado ao recurso de Lula no Supremo Tribunal Federal.

O anúncio foi feito em entrevista coletiva nesta segunda-feira, 10, pelos advogados Cristiano Zanin Martins e Valeska Teixeira Martins. “Será comunicado, nos recursos já interpostos, a existência dessa nova decisão proferida pelo comitê, reforçando a obrigação anterior e reforçando o recurso já existente para que o STF assegure a candidatura de Lula”, disse Zanin.

“O presidente Lula deve concorrer nas eleições segundo uma decisão agora reafirmada do comitê”, disse Zanin. “Esperamos que a decisão seja cumprida e que o presidente Lula tenha sua candidatura assegurada.”

No mês passado, o comitê afirmou, em decisão liminar, que o Estado brasileiro deveria garantir a Lula todos os direitos políticos, mesmo preso, e não o impedisse de concorrer à Presidência.

Ao decidir barrar a candidatura de Lula ao Planalto por 6 votos a 1, o TSE também deu prazo de 10 dias para que a coligação liderada pelo PT substituísse o ex-presidente como cabeça de chapa.

O candidato a vice, Fernando Haddad, deverá subir à cabeça da chapa, mas o advogado eleitoral que representa a coligação, Luiz Fernando Casagrande Pereira, disse a jornalistas em Curitiba que a recomendação é aguardar uma decisão do STF.

A defesa de Lula pediu nesta segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal (STF) que conceda uma liminar para ampliar o prazo para a eventual troca do nome dele na cabeça da chapa para a disputa presidencial, que vence na terça-feira, após a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber, ter rejeitado na noite de domingo pedido semelhante.

Na mesma ação, pediram que o STF dê uma liminar para suspender os efeitos da decisão do TSE que barrou o registro de candidatura do ex-presidente até que o Supremo avalie matérias constitucionais questionadas e também o fato de a corte eleitoral não ter levado em conta a recomendação do Comitê de Direitos Humanos da ONU.

Um comentário

  1. Acabei recebendo esse áudio também.
    Não acredito no que foi dito - parece armação.
    Primeiro, que um Juiz ou Juíza, não comentam sobre Casos de Investigação com ninguém que não seja com a própria equipe de Investigação - se o fizesse, seria ato de punição.

    Se o áudio realmente for de uma médica, a mesma estaria sendo anti-profissional e anti-ética. Então, esse é um áudio deve ser totalmente fake.

    Agora, acreditar que Lula não é culpado e o PT tentar passar por cima das Instituições, é pior do que se pensar em uma nova Ditadura militar.

    Vejo um Brasil perdido, dividido como se fosse torcida de Partido, e não um almejo pelo bem da população. Lula preso não é problema do Povo (ele que pague pelos atos dele).
    O povo deveria se preocupar em fiscalizar e cobrar, independente de partido e de pessoas.

    o Autor está sendo tão "torcedor" quanto um fanático pelo seu time, mesmo que seu time esteja devendo e fazendo tudo errado - mentes não pensantes.

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com * são obrigatórios *