em singapura

O cinismo medíocre da mídia imperialista e a farsa de Trump no encontro com o Presidente Kim Jong-Um da República Popular Democrática da Coréia

Tanto a organização criminosa Rede Globo como toda a mídia lixo brasileira se referem ao grande e amado líder da República Popular Democrática da Coréia (que os capachos do imperialismo chamam de Coréia do Norte) como ditador.

Agora depois do encontro de Trump com Kim em Singapura este virou líder coreano.

Só que a grande farsa imperialista continua, todavia mascarada da avaliação do encontro como um baita sucesso.

O sucesso, segundo a farsa, se deve à iniciativa de Trump, o convertido a um evangelicalismo pentecostal neoliberal,  que proclama que se iniciará fase de prosperidade e de paz com as decisões do líder Kim Jong-Um de desnuclearizar a península coreana.

Com isso o imperialismo promotor de guerras, manipulado por corporações das industrias armamentistas, do petróleo etc, passa a falsa ideia de que os promotores da paz e do encontro entre os presidentes coreano e estadunidense se deve a Trump, o boneco das poderosas empresas que mandam nos USA.

Aqui não dá nem para usar a sabedoria popular que diz:  “santa ignorância”.

Não há ignorância, mas má fé e ímpeto malandro de manipulação da opinião pública mundial.

Ora, quem provocou o encontro foi o povo da República Popular Democrática da Coréia. Porque lá o analfabetismo é zero, a saúde é 100% estatal, gratuita, e todas as doenças que matam nos Estados Unidos e no mundo lá já não existem. O problema da habitação foi totalmente resolvido. A distribuição de riquezas e de renda permite elevado nível na qualidade de vida do povo.

Na República Popular Democrática da Coréia o povo é chamado e educado permanentemente a participar das decisões políticas de seu país, bem ao contrário dos Estados Unidos e dos países dominados pelo capitalismo, que são manipulados e roubados pelos magnatas do mercado neoliberal enquanto as populações trabalhadoras são mantidas apáticas, alienadas e sob a mentira de participação cidadã através das eleições notadamente burguesas, de cartas marcadas.

A República Popular Democrática Popular, socialista, é a maior interessada na paz e por ela luta sem cessar.

Quem promove guerra nos países dos outros, com a intenção de roubar as riquezas dos povos, são os Estados Unidos, a cabeça da besta imperial destes tempos.

Além disso, a paz promovida pela República Popular Democrática da Coréia e seu grande e jovem presidente Kim Jong-Um, teve o apoio da China, temida pelos Estados Unidos, pela Rússia, pelo Vietnã do Sul, que derrotou o império e sua insanidade, pela Venezuela, por Cuba e pelos povos dos países que integram o bloco econômico BRICS – Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

Donald Trump, que representa o império decadente, é apenas um fanfarrão e sua aparente loucura é parte das cenas dos espetáculos funerais da besta que começa a ruir.

Colabore com o Blog

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com * são obrigatórios *