Lava-jato, que nada

O lado autoritário e sujo da lava jato

Nada na vida tem um lado só. No que tange ao judiciário, o lado predominante é o dos interesses mesquinhos e sujos da elite golpista brasileira e internacional.

Contudo, a dominação que esmaga pelo poder do dinheiro,  pela mentira e pela manipulação ganha resistência dos melhores, mais preparados e honestos advogados que julgarão nesta sexta-eira, 11 de agosto, a barbárie e a traição à Pátria de Sérgio Moro e a tropa do Ministério Público associada a setores da Polícia Federal.

Essa noticia veiculado pela Revista Brasil de ato é alvissareira e animadora. “Nesta sexta-feira (11) acontece um júri diferente em Curitiba. É o chamado Tribunal Popular da Lava Jato, que convidou onze advogados de renome e um jornalista para analisar os impactos da Operação sobre os direitos constitucionais”, conta-nos a Brasil de Fato. Leia mais aqui.

Compartilhar:



Um Comentário

  1. […] Para entender o papel nefasto desse juiz recomenda-se o artigo do professor Roberto Bueno aqui. e sobre o julgamento popular da lava jato com denúncias da imparcialidade e compromissos políticos espúrios desse juiz, do ministério público e de setores da polícia federal: O lado autoritário e sujo da lava jato  […]

Responder

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.
Os comentários expressam a opinião de seus autores e por ela são responsáveis e não a do Cartas Proféticas.