guedes-panudo

O tchutchuca Paulo Guedes faz espetáculo de guri pançudo, de mentiras e de inversão, sobrepondo a mentira à verdade

Em entrevista à revista Cega, digo Veja, o tirano do mercado e bufão Paulo Guedes ameaça ir embora do Brasil caso a sujeira do pacote neoliberal de destruição dos direitos dos/das trabalhadores/as não obtenha aprovação na Câmara dos/as Deputados/as no roubo de 1bilhão de 200 milhões, podendo diminuir para 800 milhões o assalto dos investimentos na proteção assegurada pela Constituição aos trabalhadores.

A ameaça do mimado, de guri pançudo, como se diz no Sul do Brasil, objetiva intimidar os corruptos, conservadores e manobrados dos bancos na Câmara.

A tentativa do bandido Paulo Guedes é para constranger os/as comprados/as por malas de dinheiro que os banqueiros,  a FIESP pato amarelo de borracha, a CNB e outros grupelhos agentes do mercado dos escravocratas e colonizados, em quem despejam rios de dinheiro que roubam da classe trabalhadora.

Leia mais e compartilhe:

O “ungido” de Edir Macedo, de Malafaia e de outros satânicos bruxos e um jornalista não bom moço;

Assistente Social e militante dos direitos humanos mostra a crueldade com as mulheres na reforma da previdência;

Agora vai, os carolas apoiadores de Bolsonaro se jogam ao chão de joelhos pedindo milagres inúteis;

A oração de Edir Macedo por Jair Bolsonaro é herética, mesquinha, neoliberal e charlatã.

Sem dúvidas, muitos/as que integram as bancadas da bola, dos bancos, da bíblia, do agronegócio e de outras frentes de malandros carrapatos, que vivem à custa do sangue do povo,  se deixam comprar e sentem medo de perder a boca amamentada pelo grotesco thutchuca,  instalado no mais importante ministério da república brasileira, invejado e assaltado pelos grupelhos poderosos nacionais e internacionais, o da economia.

É importante relembrar que Joaquim Levi, preposto do mercado cafajeste,  colocado no ministério da fazenda,  numa jogada errônea  pela acuada Presidenta Dilma Rousseff, tinha uma postura mais pastosa e enganadora, dono de um olhar “padrecal”, exatamente com o objetivo de cortar direitos dos trabalhadores a favor da concentração de riquezas e de renda nas mãos do 1% de ladrões do nosso suor, parecia mais revestido de doçura e requinte. Este, o baixote invocado, é grosseiro, corrupto, ladrão e mentiroso, com cara de diabo velho, usa das ameaças para intimidar o miliciano Jair Bolsonaro e a turma de rapinadores da Câmara e do Senado.

A entrevista de agora é reveladora do que está por detrás da pilantragem da eleição do miliciano Bolsonaro e na locação do bandido tchutchuca no ministério da economia, transformado em porta de entrada de raposas na  matança das galinhas, num derramamento de sangue de empestar todo o ar do Brasil.

O moleque da casa grande, além de mentir sobre o tal rombo de 40 bilhões de reais por ano, negado por todos os analistas sérios, diz com toda a clareza que quem deu o golpe para roubar tudo do Brasil foi o mercado, que manipulou e roubou a consciência popular brasileira.

Isso é gravíssimo pelo caráter subversivo e terrorista promovido pelos ricaços.  Eles atuam para destruir as leis consolidadas na Constituição Federal, que foi conquista árdua de nosso povo. Para tanto,  a luta para derrubar a ditadura empresarial-militar, verdadeira cara armada do mercado, e substituí-la por um regime constitucional democrático que protegesse e amparasse o povo brasileiro no trabalho, na educação, na saúde, na aposentadoria, garantindo dignidade e igualdade de direitos.  

Paulo Guedes, representa a desgraça na efetivação do inferno marcado pela pobreza, pela miséria, pela ignorância, pelo abandono e pela morte precoce dos que mais merecem respeito e proteção, os trabalhadores.

A luta de classe através deste esquimó tupiniquim é estampada  em forma de guerra desleal e sanguinária. É isso que se esconde no que diz Paulo Guedes ao afirmar que “a reforma é urgente, porque os mercados não vão esperar muito mais. Eles fogem antes”.

Acesse abaixo a íntegra da entrevista do mimado do mercado, o bufão Paulo Guedes.

Acesse também:

Profecia Noturna: “O delegado Waldir ofende estudantes, professores e chama Bahia de lixo!”

Veja.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe um Comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.