lideranças sindicais

Os trabalhadores fecham o cerco a favor da greve geral: “Transporte público adere à greve contra a reforma da Previdência de Temer”

Reunião desta terça feira: contra o ataque à classe trabalhadora, que terá de contribuir mais se o governo emplacar a reforma

Vários setores da classe operária se organizam e se mobilizam muito bem para parar o Brasil no dia 05/12.

Essa greve geral apavora a elite dominante, enche de medo a quadrilha golpista, já com seu representante no governo federal, o traidor MiShel Temer que cerca o Palácio do Jaburu,  com medo do povo e os procuradores marginais lavajateiros tremem nas bases fazendo terrror em forma de entrevista, com ameaças à sociedade como se pode recordar  aqui e aqui.

Nesta terça feira as centrais sindicais conseguiram a adesão do trnasporte público de São Paulo a favor da greve geral. Na vez passada o governador das elites e neoliberal,  Geraldo Alckimin golpeou a greve forçando os trabalhadores a trabalharem no dia da parada. Deste vez será diferente.

Leia mais no site da Rede Brasil Atual 

Colabore com o Cartas Proféticas e aumente sua renda ajudando organizar seminários em sua cidade. Veja como.

 

Compartilhar:



Um Comentário

  1. Por que é um crime doar a Petrobras à Shell
    > https://gustavohorta.wordpress.com/2017/11/24/por-que-e-um-crime-doar-a-petrobras-a-shell/

    Ricardo Maranhão é conselheiro da AEPET – Associação dos Engenheiros da Petrobras.

    Engenheiro mecânico, formado pela Escola Nacional de Engenharia da antiga Universidade do Brasil, trabalhou na estatal por mais de 30 anos. Foi também deputado federal e vereador pelo PSB do Rio de Janeiro.

    Maranhão foi um dos idealizadores, em 1979, da campanha que resultou no pagamento dos “royalties” da indústria de petróleo – importante fonte de recursos para estados e municípios brasileiros.

    No último dia 24/X, o site do Sindicato dos Engenheiros do Rio Grande do Sul publicou um importante artigo de Ricardo Maranhão, de título Petróleo, Petrobras, Tecnologia e Soberania Nacional. Nele, o autor traça a importância geopolítica da indústria do petróleo e a consequência, para o futuro do Brasil, dos…

Responder

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.
Os comentários expressam a opinião de seus autores e por ela são responsáveis e não a do Cartas Proféticas.