vuvuzela_amarela

Pela vuvuzela amarela no lixo conhecemos nosso vizinho

Márcia Tigani*

Aprendi  lendo uma crônica de Luís Fernando Veríssimo: você conhece seu vizinho pelo tipo de lixo que ele joga fora e  pelos hábitos na dispensação de seu  lixo doméstico. O meu  vizinho lá do fim da rua, por exemplo,  jogou fora hoje um monte de caixas  de papelão e junto delas uma desmaiada ” vuvuzela”.amarela. Em silêncio.  Como um último vestígio que revela o íntimo  de seu dono.

Foi muito soprada a vuvuzela: primeiro nas ” jornadas de junho” de 2013 lá na avenida Paulista. Depois na trágica copa do mundo onde o Brasil mandou Dilma tomar no …e dá-lhe de vuvuzela! Mais tarde a mesma seria usada para tentar ganhar a Copa do mundo, mas calou- se no 7X1 contra a Alemanha. Voltou para a casa no fim da minha rua em silêncio e amarela de vergonha. Foi guardada no armário até o próximo panelaço pró- impeachment. Em abril de 2014 foi tocada exaustivamente e no final histericamente comemorando a derrocada da democracia e a saída de Dilma SEM crime de responsabilidade.

Mas não parou aí a saga da vuvuzela do meu vizinho do final da rua: essa mesma que vos fala foi obrigada a ouvi-la durante  cada Campeonato onde um certo time coxinha ia jogar.Tambem trabalhou nas Olimpíadas, a vuvuzela.Finalmente teve muitos minutos de fama ao trabalhar pró-eleição de Bozo pois ” o Brasil acima de tudo, Deus acima de todos” e uma  vuvuzela  bem soprada entusiasma a todos  e  BolsoNAZI ganhou a eleição : nunca mais essa ” besteira” de Bolsa Família pois ” o certo é NÃO DAR O PEIXE a quem não sabe pescar”.Vuvuzela alta e gritando de alegria: a empregada do meu vizinho do fim da rua ia parar com aquela mania adquirida nos governos Lula e Dilma de ir para o Nordeste de avião (Não é certo isso!). Cada um  tem que fazer por merecer,  não é mesmo? Também comemorou com vuvuzeladas intermitentes o fim do FIES, do PROUNI, do Ciência sem Fronteiras. E a vuvuzela, já meio gasta, foi retirada do armário na posse do Bozão. Nem chegou a ser guardada pois em seguida à  posse , veio o primeiro grande feito do ” capitão” que  precisou ser comemorado com o som da corneta: FORA MÉDICOS CUBANOS! Chega de Comunismo no Brasil! Afinal, ” aqueles infiltrados comunistas” nem médicos devem  ser…E os médicos brasileiros darão conta do recado, irão para as periferias, para o sertão, para os alagados, para o fim do mundo….Vamos soprar a vuvuzela!

Hoje estranhamente a vuvuzela do meu vizinho do final da rua parecia uma flor amarela murcha.Meio que escondida de vergonha entre caixas de papelão.

O lixeiro passou, recolheu o lixo todo mas não levou o instrumento….Porque lixeiro que é lixeiro tem consciência política e não vai sujar o caminhão de lixo com aquele objeto golpista, né mesmo?

Outra hora comentarei sobre o lixo da minha vizinha frente à minha casa…

*Médica, Psiquiatra, poeta, escritora, militante e colunista do Cartas Proféticas.

Não pense nem demore, apoie o projeto Cartas Proféticas. Clique aqui e acesse a conta para contribuir. Muito obrigado e abraços.  

Deixe uma resposta