golpe foi dado

Rodrigo Janot é pura contradição e maldade

Num só dia o quase ex  chefe da procuradoria geral da república comete uma contradição aberrante e desrespeita o povo brasileiro,

Primeiro,  nega o dreito de a Presidenta Dilma voltar ao gargo pelo cancelamento do impeachment, traida e golpeada por uma gangue de quadrilheiros que assaltou o Estado brasileiro para, em segundo lugar, denunciar  que a aventura irresponsável e atentatória ao País foi com o objetivo de  estancar a sangria do combate à corrupção.

“A crise dentro do núcleo político da organização criminosa aumentava à medida que a Operação Lava Jato avançava, desvendando novos nichos de atuação do grupo criminoso. Nesse cenário, os articuladores do PMDB do Senado Federal, em especial o Senador Romero Jucá, iniciaram uma série de tratativas para impedir que a Operação Lava Jato continuasse a avançara. Como não lograram êxito em suas tratativas, em 29.03.2016, o PMDB decidiu deixar formalmente a base do governo e, em 17.04.2016, o pedido de abertura de impeachment da Presidente Dilma Rousseff foi aprovado pela Câmara dos Deputados”, disse o medroso e vacilante Rodrigo Janot.

Essas contradições teem que ser percebidas pelos movimentos sociais para que por elas entremos para derrubar os golpistas de todos os setores do poder.

Ajude-nos a romper as barreiras das manipulações e mentiras da mídia comercial. Colabore com o blog Cartas Proféticas.

3 Comentários

  1. ainda não sabemos o que fez do Janot essa figura tão desequilibrada... com certeza foi delatado e suas falcatruas serão de conhecimento público em breve... suas atitudes são de um homem assustado... talvez com medo de ter o mesmo fim do Teori... por motivos diferentes, é claro..

    • Também acredito nisso, ele deve está envolvido não só nessa delação da JBS, mas de todas.
      Esse procurador Miller está envolvido numa operação no RJ sobre a conta no exterior do Aécio e sua família, que arquivaram.
      Reabriram o caso e Janot seguiu os procuradores do RJm arquivou tbm.
      Tem muita sujeira ainda pra ser revelada.

  2. Não é diferente na 'republica fascista do Paraná'. Aqui tem muita coisa estranha e muita viagem aos EUA de membros da lava jato, que precisam ser esclarecidas. Muito grampo ilegal, entre outras atividades estranhas.

Deixe uma resposta