villasbôas_mentiroso

Vilas Boas, sem moral e golpista, mentiu que pessoas do governo Dilma sondaram possibilidade de golpe militar

Por Dom Orvandil.

O ex comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, em entrevista à revista golpista e do mercado VEJA revela que a instituição foi auscultada sobre a hipótese de apoiar a decretação de estado de defesa nos dias tensos que antecederam o impeachment da presidenta  Dilma, rechaçada, segundo ele, que não apresentou provas da fofoca.

Villas Bôas não diz quais foram os parlamentares que fizeram a sondagem, mas reconhece que as Forças Armadas ficaram “alarmadas” com a perspectiva de serem empregadas para “conter as manifestações que ocorriam contra o governo”. “Nós temos uma assessoria parlamentar no Congresso que defende nossos interesses, nossos projetos. Esse nosso pessoal foi sondado por políticos de esquerda sobre como nós receberíamos uma decretação do estado de defesa”, afirmou mentirosamente Villas Bôas.

Vilas Bõas já lançou indiretas intimidatórias  através da conta dele no Twitter contra o STF em relação a processos de direito do ex presidente Lula, que poderiam colocá-lo em liberdade, claramente constrangendo o judiciário com ares arrogantes e golpistas.

A ex presidenta Dilma publicou nota desmentindo a fofoca mentirosa e caluniosa do “seo” Villas Bôas, protetor do miliciano morador do Vivendas Barra Pesada  Jair Bolsonaro, eleito após um golpe de Estado e de uma eleição viciada de fake news, que o fofoqueiroo militar não viu.

Na nota a ex presidenta Dilma cobra os nomes dos tais deputados de esquerda que o mentiroso “seo” Vilas Bôas diz serem consultados para uso das forças aramadas e também cobra explicações do generaleco a respeito da indisciplina e insubordinação dele à comandante em chefe das froças armadas, a presidenta Dilma (leia a nota na integra).

Incoerente, indisciplinado, merecendo a expulsão do exército, golpista e mentiroso o “seo” Villas Bôas,  fechou os olhos e os ouvidos,  no entanrato, para as barbaridades do golpe de Estado acontecido em 2016,  derrubando uma presidenta inocente e sem culpa, tudo em nome de interesses sórdidos e dos mais sujos possívies. Viu Sérgio Moro desmoralizar as empresas nacionais, corromper a justiça, destruir a indústria naval, incluisive a construção de navios da marinha, bem  como a tentativa de eliminação até física do Almirante Othon, um verdadeiro gênio e cientista nuclear; viu, vê e acompanha destruição da soberania nacional e do Estado brasileiro pelo miliciano Jair Bolsonaro e nada fez nem nada faz para defender sua pátria.

Agora, ainda que com o rabo preso  nas sujeiras que derrubam a Petrobras, o pré sal, o petróleo e todo o setor energético do país, além de toda a infra estrutura, vem a público mentir para encobrir sua falta de responsabilidade para com o país e para com nossa pátria.

Que tipo de  militar,que tipo de general e comandante é o “seo” Eduardo Villas Bôas,  que se omite no seu cargo do alto comando do exérctio e permite que canalhas destruam o nosso país?

Que tipo de legado deixa esse milico pulha,  omisso e covarde?

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Um comentário

  1. Ao mentir sobre a ex presidenta Dilma o general Villas Bôas desce os degraus da miséria moral e deixa como legado a covardia, a insubordinação militar e a proteção dos traidores da pátria. Acesse e compartilhe o link do Cartas Proféticas: http://cartasprofeticas.org/vilas-boas-sem-moral-e-golpista-mentiu-que-pessoas-do-governo-dilma-sondaram-possibilidade-de-golpe-militar/

Deixe um Comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.